terça-feira, 14 de agosto de 2007

Algo que não interessa a ninguém

Muitas vezes pensa-se em ir ao mato todo nu às quatro da matina caçar caracóis e apanhar coentros. Pode parecer ridículo, mas terá sua certa magia. Não digo que já tenha pensado em fazê-lo, ocorreu-me ontem a propósito do que o Alberto João Jardim faria para festejar os anos... Em setembro voltarei para o Algarve. Mais quinze dias. Mais praia. A propósito de praia, existe um movimento que se usa na praia muito prático para ficar com fome. Consiste em deslizar pelas ondas com estas fortes em dias de vento e depois na prática faz com que se enterre a cabeça na areia. Funciona mais com pessoas magrelas, mas ao fim de tanto esforço para não a enterrar ou enchê-la de areia, fica-se cansado. O que sucede depois é relativamente simples: fica-se com fome. Após isso a tactica é contar os minutos até chegar a casa para comer churrascadas.

É ridículo. Mas tem uma certa razão de ser. Quando era mais pequeno isto acontecia-me. Rebolava muito dentro de água. Tanto para por os pés à tona da água e depois dar cambalhota como no caso que eu disse em cima. O mau disto tudo é que na altura e mesmo agora após o esforço dispendido não existem sandes de presunto no fim do banho... Os sindicatos servem para protestar, logo qualquer dia hei de ir lá com esta conversa...certamente levarei porrada por este tipo de coisa, mas fica o protesto declarado...tanto o protesto como gesso à volta do corpo...rende, assim já não tenho de ir ao supermercado comprar... e ganho assinaturas no gesso e não sei exactamente para que serve ter lá isso.

Se se pensar um bocadinho para que se assina o gesso duma pessoa toda partida? Será que é para dizer que certa pessoa testemunha que conhece alguém todo desmontado? Será que é porque o gesso é branco e fica bem lá encher de assinaturas a caneta preta ou vermelha? Recordação? Não creio, não é bom lembrar desse tipo de coisas. Falando sério é coisa que nunca irei perceber a real razão para isso suceder...mas tou mais virado para a opção 'olha apeteceu-me', supostamente há de ser a que simplifica mais as coisas...

Por hoje creio já ter escrito lixo suficiente....Até!...

10 comentários:

Anny disse...

"Muitas vezes pensa-se em ir ao mato todo nu às quatro da matina caçar caracóis e apanhar coentros."

^^ ahah O meu dia já ficou preenchido com esta frase.

Jedi Master Atomic disse...

"Muitas vezes pensa-se em ir ao mato todo nu às quatro da matina caçar caracóis e apanhar coentros."

Ai é!?!?!?

LOL

Thiago Forrest Gump disse...

Acho que na questão das assinaturas, é uma forma de carinho!


Abraço

eu mesma! disse...

ahahhahahh "...pensa-se em ir ao mato todo nu às quatro da matina caçar caracóis e apanhar coentros."
ahahhahahhah

o velho geo/grão vizir está de volta!
o post está super divertido e fez-me dar umas gargalhadas, muito bom mesmo, era o que me apetecia já que daqui a pouco vou de férias....

White_Fox disse...

Realmente fartei-me de rir logo com a primeira frase! Excelente! Agora já sei. Se vir alguém todo nu às 4h da manhã já sei que vai caçar caracóis e apanhar coentros.
Se for gajo talvez ainda vá comer uns grelos (eheheh)!
Eu normalmente levo umas sandocas para a praia, por isso raramente tenho fome quando de lá saio! Eu às vezes rebolo na areia apenas para fazer de croquete. E dps vou todo maluco a correr para a água (as gajas riem-se! Devem pensar: "Coitadinho daquele. Deve ter acabado de sair do Júlio de Matos).
Quanto ao gesso, nunca tive de usar, por isso não sei o que leva alguém a assiná-lo. Mas tem piada pk tb nunca assinei nenhum! Aki na zona o pessoal bebe muito leite mimosa e por isso os ossos estão fortalecidos! Eheh
abraço

Lu.a disse...

"Muitas vezes pensa-se em ir ao mato todo nu às quatro da matina caçar caracóis e apanhar coentros.", por acaso já pensei muitas vezes em fazer isso, lloooolll!!!

Alexandre disse...

Eu sou magrelas e já reboleia a cabeça na areia mas não aconteceu nada!!!

Um abração!!!

mymind disse...

as assinaturas é pra akelas pessoas k sonham um dia em ser famosas e dar autografos, loool
bjs

toma lá Fresquinho disse...

eu cá às 4 da matina prefiro pegar numa toneira, num bote, num petromax e ir à lula para o meio do mar ... mas isso sou eu!
se for com uma valente camada em cima ainda é mais fixe!

Lusófona disse...

uauu.. a primeira frase é de morrer de rir...rsrsrs

Bjs