quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Call Girl - Então qual é o número afinal?

Hoje em dia parece que se percebeu qual a única fórmula para um filme português ter sucesso. É preciso haver camas a chiar, e neste caso não é porque há esquilos lá dentro a grelhar nozes ou a fazer filetes, é porque há sexo, trancada da forte. Pelos vistos é o que se pede. Muito que o padre amaro se divertiu, que felicidade que esse padre teve...até eu pagava para ser um padre daqueles diga-se de passagem...

Agora a premissa é a mesma. Só que supostamente com mais palavrões à mistura. Um bom filme que em cada duas palavras se diz dois palavrões. É focado na acção. Soraia Chaves disse que não se preocupava com o que pensassem dela acerca de ter feito dois filmes em que expusesse-se nua, mas enfim, cá a malta até agradece mas não se pode dizer que crie lá muito boa fama. Suponham...'Quem era a gaja que levava forte no filme do Amaro?- Soraia Chaves'...Ainda vão ver esta mesma pergunta num programa de cultura geral da rtp daqui a uns anos...

Está claro que qualquer pessoa não está minimamente interessada sobre o que possam dizer dela, porque o que interessa em si é o filme, que sem dúvida terá o seu 'quê' de interesse. Agora o factor negativo é que os filmes portugueses só consigam ter sucesso recorrendo a fórmulas teoricamente menos próprias, se repararmos bem o cinema português é bastante pouco divulgado, e a bem dizer o que é divulgado aparte destes desta actriz têem sido...fraquinhos, sem o mínimo de interesse... Até hoje só vi um filme realmente bom português, chamado de 'Os Imortais'. Esse sim, bom filme. O resto...

Este filme para assistir seguramente em família estreia dia 27 de Dezembro, supostamente nas salas de todo o país, menos na barraca das farturas da Creusa...

5 comentários:

Andreia do Flautim disse...

LOL, realmente é verdade!

White_Fox disse...

Qual programa da RTP? É logo no Trivial Pursuit!
Já que a menina gosta tanto de cinema, qualquer dia anda a fazer filmes pornográficos (já faltou mais).
A Soraia é muito boa (e sim, qualquer um pagava para ser o padre amaro)! E ao vivo é ainda melhor (isto de estar no mesmo espaço que ela não é para todos :P).
Acho que para o ano vou realizar um filme do género! Pode ser que a Soraia aceite...
Depois convido-te para testares as "artes de representação" da rapariga (isto, claro, depois de eu lhe fazer o "casting"). LooooooooooooooL
abraço

White_Fox disse...

Ah, não sei qual é o número, mas tem 11, 22 e 69!
Hihi

Just Me... disse...

..................*
................**,**
.............*****,*****
...........*******,*******
....*********,,,,,,,,,,,*********
*******,,,Feliz Ano Novo,,,********
....*********,,,,,,,,,,,*********
...........********,*******
.............*****,*****
................**,**
..................*

Com muita Felicidade, Beijinho!

Minerva McGonagall disse...

A malta quer é mamas... mas a mim não me apanham a ver esses filmes da treta. Não aprecio tetinhas!