domingo, 4 de janeiro de 2009

Flashback

O blog tem qualquer coisa como dois anos e meio, três anos. Antes, tive dois com o mesmo nome que infelizmente apaguei-os, mas que deram lugar a algumas reedições de textos neste mesmo blog. Hoje tive a reler alguns textos passados, e decidi colocar aqui alguns que considero de certo modo 'obras-primas'. Foco a parte das aspas, que geralmente tem alguma conotação irónica. Então cá vão os textos que destaco dos demais:

Stop Complaining, Start Re-arranging : O mais surreal em termos de decência ou melhor dizendo, o que maior discrepância faz em termos do que é normal de anormal...

O cricket cambojano e a sua importância na distribuição de leite magro : O meu texto preferido. Trata-se de uma das reedições que fiz do primeiro blog que tive, e que quanto a mim é o que tem uma mensagem importante escondida no meio de tanta parvoíce lá empilhada.

Algo que não interessa a ninguém : A primeira frase deste post ficou de certo modo mítica para a grande maioria do pessoal que me visitava e que ainda me visita. Possui as palavras 'coentros', 'caracóis', 'mato', e 'nu'. Para algumas pessoas, certamente já perceberam de qual se trata.

Vamos lá cambada : Tem um grande destaque na parte dos drogados, e um fim de post com uma frase que não lembra a ninguém...

Monólogos com tibério Antunes : Surpreendentemente as pessoas que o leram acharam sua certa piada. Trata-se de uma personagem que apenas viu lhe ser concedido um post e que é na prática uma cópia de algumas pessoas que não sabem falar lá grande coisa... Talvez volte a escrever qualquer coisa sobre ele um dia...

Males que vêem por mal : Dos meus posts mais sérios. Mas só apartir do terceiro parágrafo...
É de certo modo um desabafo sobre o que o ser humano faz ao planeta.

Tipos de mentalidade : Em termos de construção de texto, é o mais conciso que encontrei. Aqui tentei de certo modo falar dos vários tipos de pessoas que existem e a sua relação com a sociedade onde estão inseridas.

São estes que me chamaram mais à atenção, se quiserem desfrutem...

9 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Li com atenção o teu texto "Males que vêem por mal", e tenho de discordar duma frase "O ser humano é a forma de vida mais evoluída que jamais existiu na Terra". Os insectos, caro amigo, metem a nossa evolução num bolso. Por algum motivo quando isto for tudo pelos ares eles vão ficar por cá...

Abraço!

Nanny disse...

Tu já escreves textos grandes... achas que eu tenho tempo para reler estes todos????

Francamente!!!!!!!!!!!! LOOOOOL

E diz a esse Rafeirote que não são os insectos de uma forma geral, mas apenas as BARATAS que sobreviverão até a um holocausto nuclear.

Quanto a evolução... acho que antes pelo contrário... os insectos mantêm-se quase inalterados desde a pré-história :P

Beijocas rapaz e Bom Ano

Grão Vizir disse...

Isso arranja-se. Tudo o que dá menos trabalho é algo que qualquer português costuma procurar...

Pedro Barata disse...

Gostei dos primeiros, com mais calma leio os restantes!
abraço

Inês Brito disse...

Adorei o do cricket cambodjano!

Demais mesmo..

Bj,
(i)

Andreia do Flautim disse...

Um bom ano para ti!

Jedi Master Atomic disse...

O 1º é o best !!!
Conselho: muda a cor de fundo disto, que se torna muito cansativo para os olhos ler letras brancas em fundo preto.

Grão Vizir disse...

Jedi:

Pode ser. É justo.

Ninja! disse...

Este post veio mesmo a calhar para mim, pois como sou novo visitante aqui no blog deu-me para passar revista a alguns posts, e logo os melhores, pelo que tudo indica!

Parabéns!

Abraço.