quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Alerta Carneiro!!

O alerta carneiro é em poucas palavras aqueles momentos em que nos sentimos uns particulares alarvos tal a fome que temos... Mas não é uma fome qualquer... Sabem os chamados 'prazeres de grávida', que costumam dar nas mulheres quando estão nesse estado? Pois bem, por vezes nós gajos também temos essas paradas de nostalgia quando começamos a pensar em alguma comida daquelas boas para lamber as beiças, e essas tiradas acontecem...

Sim, porque este tipo de saudades dá em toda a gente, mas por vezes são coisas mais repentinas, e este paleio todo para dizer que ontem fui jantar a Ribamar, muito perto da Eriçeira. Por aí nota-se de que tipo de comida apetecia ao meu Pai... Está claro que, se fosse o meu prazer de há uns anos eu diria bitoque com batata frita e ovo 'a cavalo' (nunca percebi esta do 'a cavalo' mas também pouco interessa), mas caso pedisse isso hoje em dia naquela zona, mais provável era receber um par de chapadas bem dadas, porque ali come-se ou peixe ou marisco....

E eu decidi escolher algo que não fosse nem uma coisa nem outra, como se fosse para pautar pela diferença ( Outro exemplo foi ter sido a unica pessoa que me recordo de no 3ºano ter dado um arroto tão grande numa altura em que nem arrotar sabia e só sucediam por percalço, o que me levou a ficar bastante vermelho na tromba, devido ao olhar de espanto da professora de inglês), e lá escolhi polvo à lagareiro...

Confesso que sou feliz no que toca a escolher comidas em restaurantes, é raro a coisa saber-me mal... é que aquilo estava 'marabilhojo'! É que estava mesmo muito bom, parecia até que não comia há dois dias!

Dois dias é exagero, nessa situação estaria porventura num hospital a soro de banha de porco ou vinho tinto, mas por vezes as comidas são tão boas que parece que o apetite motiva-se só do aspecto ou cheiro de certos manjares...

A parte chata veio depois. Não é que o restaurante não estivesse cheio, mas tirar as contas não é coisa que dê grande trabalho, uma vez que estando já tudo na caixa registadora, é so fazer clique e sai o papel da conta, mas naquele caso foi três quartos de hora à espera da conta, o que motiva qualquer um a começar a atirar chinelos (basta trazê-los de casa num saco do minipreço, eles não servem só para andar a espalhar pó em casa, por vezes é-lhes suscitados certas funções mais especificas) ou então, uma boa fisgada para ver se aquilo andava para a frente...

Por vezes há que dizer que quando o serviço é péssimo e comida é boa, vale a pena à mesma, mas à outras ocasiões em que uma gajo fica mesmo danado com estas trapalhadas....

1 comentário:

CG disse...

Quando isso me acontece, digo que vou sair sem pagar a conta, já que eles insistem tanto nisso. A conta aparece logo =)
Big Kisses